Search
pt-bren

No nosso dia a dia é muito fácil nos perdermos entre as milhares de obrigações da vida adulta; deadlines de trabalho, contas para pagar, e mesmo coisas básicas como precisar ir ao supermercado ou levar o carro ao mecânico.

Neste processo, costumamos tirar da nossa rotina as coisas que são importantes só para nós. Afinal, temos tantas outras obrigações que parece egoísta se preocupar com algo que só vai fazer bem para você mesmo, mas a verdade é que se deixarmos o nosso bem estar de lado, o resto costuma desabar logo adiante.

Me dei conta disso este ano, eu que sempre consegui ter uma vida equilibrada, mesmo quando trabalhava fora muitas horas por dia encontrava formas de me cuidar, ia para o trabalho de bike, fazia longas caminhadas com os cachorros nos finais de semana, praticava yoga pelo menos 3x por semana e cozinhava todas as noites junto com o meu marido, uma refeição gostosa e saudável, e de repente, com um filho pequeno no colo, me vi perdendo meu equilíbrio. Só me dei conta quando comecei a reclamar que estava exausta e que não tinha mais tempo para nada. Entre trocar fraldas, amamentar, cozinhar, lavar, o dia voava sem eu perceber, deixando a sensação de que fiz tudo e nada ao mesmo tempo. Reclamei, reclamei, até que escutei de volta: se você precisa de tempo, otimize o seu tempo para melhor aproveitá-lo.

Entendi que precisava dedicar pelo menos uma hora por dia para mim, e defini que seria durante a soneca do Martin. Prometi para mim mesma que largaria tudo, até louça na pia, algo que me dá um certo arrepio, pelo meu momento sagrado, para fazer o que eu quiser, o que eu estiver precisando mais naquele dia. Normalmente pratico 30 minutos de yoga, escrevo um pouco, pesquiso receitas, às vezes leio ou durmo junto com o Martin porque estou precisando de descanso. Para fazer exercícios aeróbicos, coloco o Martin no carrinho e bora para rua caminhar ou, em dias de chuva, dançamos na sala.

Se você não pegar para você a responsabilidade da sua saúde mental e física, ninguém vai fazer isso por você. Reclamar da falta de tempo não leva a lugar nenhum, é preciso mudar hábitos, abrir espaço para encaixar atividades que te fazem bem e assim poder dar o seu melhor nos seus outros afazeres e para as pessoas que estão ao seu redor. Você não vai estar apta para esta tarefa se não comer bem e se não se exercitar porque tem que trabalhar até tarde todos os dias.

Como somos instruídos a fazer no avião, você primeiro coloca a máscara de oxigênio no seu rosto, depois ajuda os outros.

Ache períodos da semana para ficar desconectado, neste mundo online é fácil passarmos horas espiando o que acontece na vida alheia, temos a sensação de que isso é uma maneira de descansar e nos distrair, mas será que você não poderia dedicar parte deste tempo a uma outra atividade que irá te trazer mais benefícios, como se alongar, meditar ou caminhar e dar um descanso para os seus olhos longe das telas?

Vivemos um momento em que a maior parte das pessoas é afetada pelo estresse. É praticamente impossível eliminá-lo completamente, ele é uma reação do nosso corpo ao enfrentar situações adversas, mas ao se cuidar, você pode aos poucos aprender a controlar a sua reação a ele.

Estudos comprovam que meditar, praticar yoga, fazer exercícios aeróbicos e se alimentar bem são coisas cruciais para ter uma vida saudável. Nós sabemos o que fazer, só precisamos escolher dedicar tempo a isso.

Tome as rédeas do seu bem estar, só você pode fazer isso. E o que o seu corpo pede, só você pode escutar.

0.Comments

    Leave a Comment