Search
pt-bren

 

É preciso criar espaço para o novo.

Tantas são as vezes que, na correria do dia a dia acabamos não só fazendo as mesmas coisas, mas também cometendo os mesmos erros. Não se engane, eu sou fã de rotina, e talvez o que falte em nossas vidas seja, justamente, incluir em nossa rotina tempo para descobrirmos coisas novas.

Por comodidade, falta de atenção ou até mesmo por estarmos plenos com o que temos acabamos não nos atentando a fazer pequenas mudanças no nosso dia a dia que nos possibilitem novas experiências. O mesmo café da manhã, o mesmo penteado, a mesma maquiagem, o mesmo caminho para o trabalho. Conversamos com as mesmas pessoas, sobre os mesmos assuntos. Nos frustramos com as mesmas coisas, comemos no mesmo restaurante, compramos o mesmo estilo de roupa, praticamos os mesmos esportes, perdemos a paciência com as mesmas coisas, nos perguntamos as mesmas coisas.

Mas, de fato, quantas foram as vezes que ao invés de nos perguntarmos como seria realizar certa coisa, fomos lá e fizemos? Ou usamos uma sombra colorida em plena terça-feira, tomamos café em um lugar diferente do que vamos todo santo dia, pedimos um prato que não é aquele que já sabemos que é gostoso?

Eu sei que esse assunto pode parecer um belo cliché, mas a verdade é que não é preciso cortar o cabelo radicalmente para inovar (mas se quiser, maravilha!). Precisamos, talvez e simplesmente, sair um pouco do automático e, quem sabe, andar simplesmente na rua paralela a que você sempre andou.

Talvez você não goste, tudo bem, mas, pelo menos você andou.

Em um mundo cheio de sabores, pessoas, crenças, línguas, livros, cores, é um grande desperdício nos prendermos aos meus valores de sempre. Percebo isso, de forma grandiosa, por ter mudado de país há quase 5 anos. São tantas as mudanças que fico perdida só de pensar em enumerar tudo que fui, já não sou e voltei a ser. Tudo que errei, me arrependi, aprendi, insisti. Foram tantas coisas novas, nem todas prazerosas, mas só porque elas existiram que me tornei o que sou hoje: uma pessoa com plena consciência de que é preciso deixarmos, não só deixarmos coisas para trás mas também olhar para os lados.

Na nossa rotina, muitas vezes acostumados com as mesma preocupações e insatisfações, não nos damos a chance de tentar outras formas de solução. Não é por mal, claro que não. Mas talvez uma oportunidade incrível esteja bem ali, na janela que nunca olhamos, no livro na estante, na pessoa sentada bem ao nosso lado a quem nem desejamos bom dia. Talvez aquela pessoa que você pensa todos os dias esteja se sentindo exatamente como você e, ou alguém toma uma atitude nova, ou vocês nunca irão saber tudo o que poderia ter sido.

Experimente um sorvete novo. O que você gosta vai continuar lá.

Ande na rua ao lado. Você pode se surpreender

Vá em um café diferente. A música pode ser mais legal

Fale algo novo. Talvez seja o que estavam precisando ouvir.

Conheça pessoas diferentes. Talvez só assim você valorize as que já te cercam.

0.Comments

    Leave a Comment